O Gigante - Enviado por Luiz

Um relato de Ayrton Senna sobre a paixão pela Fórmula 1, os perigos e desafios que estava exposto, mas que isso completava sua vida e não podia desistir.

O vídeo mostra o socorro que ele prestou ao colega de trabalho, Eric Comas, em um acidente em treino para o Grande Prêmio em 1992.

2 comentários:

Rafael Lopes disse...

Senna foi e sempre será um grande ídolo. Faz muita falta.

Cleber_mc disse...

Verdade Rafael, por mais que tenhamos excelente pilotos, as manhãs e madrugas de domingo nunca serão as mesmas, porém, creio que o brasileiro é muito sacástico com Rubinho, mesmo sabendo de tudo que rola nos bastidores da F1, com Felipe ocorre a mesma coisa.